quinta-feira, 27 de outubro de 2011

A RAPADURA É NOSSA!!!

Rapadura

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Uma das maiores rapaduras do mundo
Rapadura comum

Rapadura é um doce de origem açoriana ou canária em forma de pequenos tijolos, com sabor e composição semelhantes ao açúcar mascavo. Fabricada em pequenos engenhos de açúcar, surgiu no século XVI como solução para transporte de açúcar em pequenas quantidades para uso individual. Como o açúcar granulado umedecia e melava facilmente, os tijolos de rapadura eram facilmente acomodados em sacolas de viajantes, resistindo durante meses a mudanças atmosféricas.

A rapadura é feita a partir do caldo de cana após moagem, fervura, moldagem e secagem. É um alimento considerado mais nutritivo que o açúcar refinado pois enquanto este é quase exclusivamente sacarose a rapadura possui diversas outras substâncias nutritivas em sua composição.[1]

Índice

[esconder]

[editar] Regiões de consumo

Rapaduras empilhadas

É típica do Nordeste do Brasil e de diversas outras regiões da América Latina,[2] onde recebe diferentes nomes como panela (Colômbia, Venezuela, México, Equador e Guatemala), piloncillo (México), papelón (Venezuela e Colômbia), chancaca (Bolívia e Peru), empanizao (Bolívia) ou tapa de dulce (Costa Rica). O nome rapadura (ou a variação raspadura) é utilizado também na Argentina, na Guatemala e no Panamá. Seu uso também é disseminado na Índia. Sua utilidade é extensa e varia de acordo com os hábitos culturais de cada região que utiliza. No Brasil é basicamente utilizada em substituição ao açúcar ou para consumo direto, em lascas, como sobremesa. No passado a rapadura era um alimento para os escravos. No Nordeste brasileiro foi muito utilizada pelo sernanejo, junto com a farinha, para ser consumida no local de trabalho; também era considerada como "comida de pobre",

Em outras regiões da América Latina pode ser usada como medicamento, na receita básica de determinados drinks ou até de molhos para acompanhar pratos salgados.

[editar] O Caso Rapunzel

Em 1989, a empresa alemã Rapunzel registrou a rapadura como sua marca registrada[3] para o mercado alemão e 6 anos depois fez o mesmo nos Estados Unidos, entretanto este fato passou despercebido por bastante tempo, até que em meados de 2005 grupos de defesa da cultura nordestina,[4] o Itamaraty e a Ordem dos Advogados do Brasil [5] passaram a exigir a retirada da patente sobre o nome tradicional do doce no Brasil.

Em 2008 a empresa germânica desistiu da propriedade intelectual sobre o nome rapadura embora continue usando o nome para alguns de seus produtos (sem, entretanto, manter direito de exclusividade sobre o uso comercial da palavra)..[6]

[editar] Processo de fabricação

Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde maio de 2010).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirus. Veja como referenciar e citar as fontes.

  • A cana é moída para extrair o caldo de cana;
  • Logo depois, um tacho é limpo para a recepção do caldo;
  • Depois o caldo é colocado no tacho para ser fervido;
  • Com a elevada temperatura do caldo, as impurezas irão "boiar" por cima da água, de onde são retiradas com uma espumadeira;
  • Do tacho, o caldo escorre em um cano e vai parar em um balaio, onde é coado para a retirada de algumas impurezas;
  • Depois da retirada dessas impurezas, o caldo é colocado em uma espécie de caixa de depósito;
  • O caldo é fervido novamente para engrossar e para retirar algumas impurezas que ainda não foram retiradas;
  • No momento que o caldo se torna melado, é retirado, coado e colocado em vasilhas;
  • Depois, o caldo é retirado das vasilhas bem mais engrossado, daí, vai direto para as "canoas";
  • Nas "canoas", o caldo é batido para obter uma liga e para que fique bem grosso;
  • Ao ser retirado das "canoas", é colocado no estandarte para ganhar a forma de rapadura;
  • Depois que a rapadura já endureceu, esfriou e ganhou a sua forma, pode ser retirada do estandarte.

[editar] Propriedades

A rapadura é rica em potássio, ferro, cálcio e fósforo, possui grande teor energético. Em duas colheres dissolvidas em água, temos :

Referências

[editar] Ligações externas

Ícone de esboço Este artigo sobre culinária é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Wikipedia

Resultados da pesquisa

Seguidores

VIDE - OS

Loading...