quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Amanheceu, Peguei a Viola - Renato Teixeira


Amanheceu, Peguei a Viola

Renato Teixeira

Amanheceu eu peguei a viola
Botei na sacola e fui viajar
Sou cantador e tudo nesse mundo
Vale prá que eu cante e possa praticar
A minha arte sapateia as cordas
E esse povo gosta de me ouvir cantar

Amanheceu...

Ao meio dia eu tava em Mato Grosso
Do Sul ou do Norte, não sei explicar
Só sei dizer que foi de tardezinha
Eu já tava cantando em Belém do Pará

Amanheceu...

Em Porto Alegre um tal de coronel
Pediu que eu musicasse uns versos que ele fez
Para uma china, que pela poesia
Nem lá de Pequim se vê tanta altivez

Amanheceu...

Parei em Minas prá tocar as cordas
E segui direto para o Ceará
E no caminho fui pensando, é lindo
Essa grande aventura de poder cantar

Amanheceu...

Chegou a noite e me pegou cantando
Num bailão, lá no norte do Paraná
Daí prá frente ninguém mais se espanta
E o resto da noitada eu não posso contar

Anoiteceu e eu voltei prá casa
Que o dia foi longo e o sol quer descansar

Amanheceu...

Renato Teixeira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde julho de 2010).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirus. Veja como referenciar e citar as fontes.

Renato Teixeira

Renato Teixeira de Oliveira (Santos, 20 de maio de 1945) é um compositor e cantor brasileiro.

É autor de conhecidas canções, como Romaria (grande sucesso na gravação de Elis Regina), Tocando em frente (em parceria com Almir Sater, gravada também por Maria Bethânia), Dadá Maria (em dueto com Gal Costa) e Frete (tema de abertura do seriado Carga Pesada, da Rede Globo, além de Amanheceu, entre outros.

Em 1990, apresentou o programa Tom Brasileiro na Rede Record, onde além de cantar, apresentava artistas que valorizavam a música nacional.

Recentemente, Renato Teixeira compôs a música Rapaz caipira, como crítica à atual música sertaneja de consumo, fazendo renascer a expressão música caipira. É um defensor aberto da música de raiz, caipira, que ainda sobrevive apesar dos desvios da música sertaneja.

[editar] Discografia

  • 1971 - Álbum de Família
  • 1973 - Paisagem
  • 1978 - Romaria
  • 1979 - Amora
  • 1980 - Garapa
  • 1981 - Doce Canção
  • 1982 - Um Brasileiro Errante
  • 1985 - Terra Tão Querida
  • 1986 - Renato Teixeira
  • 1991 - Ao Vivo em Tatuí
  • 1993 - Aguaraterra
  • 1993 - Sonhos Guaranis
  • 1995 - Azul
  • 1996 - Um Poeta e Um Violão
  • 1997 - Ao Vivo no Rio
  • 1999 - Alvorada Brasileira
  • 2000 - Um Novo Amanhecer - Renato Teixeira e Zé Geraldo
  • 2002 - Cantoria Brasileira
  • 2003 - Cirandas, Folias e Cantigas do Povo Brasileiro
  • 2004 - Renato Teixeira e Rolando Boldrin
  • 2007 - No Auditório Ibirapuera
  • 2010 - Amizade Sincera

[editar] Ligações externas

Accordrelativo20060224.png Este artigo é um esboço sobre um(a) músico(a). Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Wikipedia

Resultados da pesquisa

Seguidores

VIDE - OS

Loading...